terça-feira, 22 de maio de 2012

Dicionário da Tecelagem


Abstrata:Estampa com desenhos de formas não figurativas.
Acetato- É uma fibra artificial feita de celulose, obtida por processo semelhante ao da viscose, utilizada como substituta da seda natural.
Acetinação- Diz-se de operação que consiste em dar um aspecto liso e lustrado a um tecido ou uma pele.
Acrílico- (Poliacrílico) Fibra sintética que melhor substitui a lã.
Adamascado ou damassé:1) Efeito onde o tecido é tramado misturando-se o brilho e o fosco de uma única cor para produzir desenhos (acetinados em tecidos opacos e opacos em tecidos acetinados). Originalmente foi encontrado em Damasco, capital da Síria,daí o seu nome.Este tipo de tecido é mais empregado como revestimento para sofás e decoração em geral. 2) Esse tecido possui desenhos brilhantes e opacos em sua constituição e aparece sempre em coleções com inspiração no Oriente. Pode ser de seda, raiom, linho ou algodão. É muito usado nas roupas femininas.3)Tecido de linho, seda ou algodão,fabricado em tons da mesma cor e que apresenta desenhos definidos exclusivamente por oposição de ligamentos, com contraste entre brilho e opaco,imitando o jacquard.É um tecido sem direito ou avesso.Os ligamentos são à base de sarja e cetim.Utilizado tanto em tapeçarias como em confecções.
Albene- Tecido produzido com fio de acetato opaco.
Algodão- É uma fibra natural que serve de matéria-prima para a produção de vários outros tecidos. Também conhecido como cotton (terminologia em inglês).
Algodão Egípcio- Mais durável e macio do que o algodão convencional.
Algodão Penteado- O fio desse tecido se torna mais macio e resistente a partir do processo em que as fibras mais curtas são eliminadas.
Algodão Pima -Tão apreciado quanto o algodão egípcio, esse tecido com fibras longas é encontrado apenas no Peru.
Algodão Upland -De fibras curtas, o upland é o mais plantado no mundo e funciona de base para comparação de qualidade com os outros tipos de algodão.
Algodãozinho- Tecido cru feito com fibras de algodão. 
Alpaca-1)Lã de alpaca- animal da família dos camelídeos,menor que a ilhama,tendo a pelagem do corpo lanosa,longa, de coloração variável, geralmente chocolate-escura,nativa das regiões montanhosas dos Andes.A princípio foi misturada com seda.No final do século passado a alpaca começou a ser misturada com algodão e foi muito usada em vestidos e costumes até meados do século XX.Desde então, a palavra alpaca designa um tecido de crepe de raiom com textura firme,utilizado principaklmente em peças externas.  2)Tecido genérico (Algodão/viscose) que serve como forro em peças de roupa.
Anarruga -1)É um tecido de efeito encrespado, obtido através de processo químico.2) Fazenda leve de algodão, raiom ou seda com uma superfície de listras enrugadas. Essa superfície se cria quando conjuntamente se tecem fibras de coeficientes de encolhimento distintos.
Arabesco:Desenho de origem árabe com entralaçamento de linhas e motivos de ramos e folhas.
Argyle:1)Patrão de xadrez que forma losangos empregado em meias,suéteres e cachecóis.O nome vem do condado escocês governado pelo clã dos Campbell.2) Estampa típica de roupas escocesas, é composta por listras e losangos coloridos. Esse padrão aparece em tricôs - feitos à mão ou à máquina - e em tecidos como lã e algodão. O desenho também pode ser obtido por meio de estamparia. 
Artsy -Estampa inspirada nas obras de arte. Os desenhos abstratos dos pintores Jackson Pollock e Mondrian .
Baeta -Tecido felpudo feito de lã. 
Bailarina -Tecido de malha de poliamida texturizada e gramatura média.
Bandagem- Semelhante a ataduras, esse tecido de algodão é leve, vazado, de aspecto rústico e creponado.
Batik: Processo de tingimento pelo qual algumas partes do tecido são cobertas por parafinas, de modo que somente as partes descobertas recebem a tintura.Dependendo do número de cores que se deseja aplicar, é necessário repetir várias vezes o processo.A tecnica do batik originou-se na Índia e Indonésia e foi muito usada nas décadas de 60 e 70 sendo adotada como artesanato brasileiro.
Batista- Tecido fino, parecido com a cambraia de linho que foi criado no século 13 pelo tecelão Batiste Chambray. Muito usado para fazer lenços e lingeries.
Bayadère:Efeito no tecido causado por listras horizontais de brilho,cor ou aspecto diferente.O termo originou-se de uma dança religiosa da Índia,onde se usava túnica neste patrão.
Bember-Tecido leve e artificial,usado em forros de roupas.
Botonê- Tecido que remete ao côco ralado (pequenas fibras enroladas).
Bouclê- 1)Fio de textura crespa, original do francês boucler (encaracolar).2) É um tecido ou malha confeccionado de fio com laçadas, o que lhe dá uma superfície felpuda. Buclê é também o nome de um fio para tricô.
Brim -Tecido super-resistente e grosso. É utlizado para a confecção de roupas, como calças, saias e casacos, e também na decoração de interiores para forração.
Brocado- 1)Jacquard trabalhado em fios de ouro ou prata. Surgiu do francês broucart (ornamentar). 2)Tecido que,poir seu trabalho ,se assemelha ao brocado ou faz lembrar.
Burberry -Marca famosa que lançou um tecido impermeável criado por Thomas Burberry, no século 19. Ele reparou que os fazendeiros usavam roupas de linho, que eram frescas no verão e quentes no inverno. Baseado nisso, Burberry aplicou os mesmos princípios a outras roupas e, em 1879, desenvolveu um tecido à prova d’água que passava por um processo químico antes da tecelagem. Ele chamou o tecido de gabardine e hoje as capas Burberry de gabardine são muito desejadas e compradas no mundo todo.
Camayeux:Efeito de cores semelhantes mas de tonalidades diferentes (clara,escuras).
Cambraia -Tecido que pode ser produzido em linho e algodão. Textura encorpada. Utilizada em vestidos delicados, mantas e enxovais de bebê.
Camelo- Os pelos de camelo compõem esse tecido que é misturado à lã e tem textura bem macia. Esse tipo de tecido é muito usado para fazer mantôs.
Camurça- Derivado do couro, esse tecido tem superfície aveludada devido ao processo de polimento que a pele do animal é submetida. Com aspecto rústico, ele pode ser empregado em calçados, bolsas, chapéus e casacos
Canelado- Tecido com listras verticais ou horizontais em relevo, semelhante ao cotelê.
Cânhamo -É do cânhamo, herbácea da mesma família da Cannabis saativa (popularmente conhecida como maconha), que esse tecido é feito. Sólido e resistente, esse material faz um tecido brilhante e suave. A extração das fibras dessa planta é parecida com a do linho e elas são usadas em tecidos finos, calçados, cortinas, cordas, rede de pesca e lonas.
Canvas -Tecido forte e durável feito de algodão. Muito usado na confecção de casacos e bolsas. Originalmente era feito em linho ou hemp para confeccionar as velas dos barcos.
Carreaux:Xadrez.Estampa (sobre o tecido) ou padronagem (com fios tintos) formada de listras horizontais e verticais que se cruzam.
Casa de abelha- O desenho desse tecido parece com favos de mel, efeito obtido por meio da alternação do urdume e da trama. 
Cashmere -1)Lã fina e macia feita do pelo da cabra da região de Caxemira, na Ásia. O fio pode ser puro ou misturado a outras lãs e tecidos. No século 19, o termo virou sinônimo de estampa com formato de folhas de pontas curvadas, que coloria xales e túnicas indianas.2)Estampa clássica composta por desenhos de gotas rebuscadas.
Casimira- Tecido encorpado de lã, muito usado em peças masculinas.
Cetim -Tecido brilhante, macio e liso de origem chinesa. Existem diversos tipos e composições diferentes. De acordo com a qualidade, é utilizado na alta-costura, roupas finas, moda íntima ou trajes regionais.
Cetim Boucol- Tipo de cetim pesado, muito utilizado nos vestidos de noivas e na alta costura.
Cetim Charmeuse -As características principais desse tecido são o brilho intenso e a trama que pode ser vista no avesso. Tem bom caimento por ser 100% poliéster.
Cetim Duchese -Muito usado na alta-costura e nos vestidos de noiva, esse tipo de cetim é mais brilhante e pesado que o cetim tradicional.
Cetim Peau D'ange -Mais encorpado que o comum, também conhecido como vison, este cetim possui um brilho discreto, muito usado em enxovais domésticos. Expressão vinda do francês pele de anjo.
Cetim Zebeline -Pesado e de brilho acetinado é perfeito para os modelos evasê.
Challis- Nascido do hindu, toque agradável, é produzido com viscose fiada.
Chamalote -1)A posição do fio no tecido produz um efeito ondeado. Também chamado de lã com mistura de seda.2)Efeito ondulado em tecido brilhante.
Chambray- Similar ao índigo, o tecido 100% algodão é feito com fios tintos de azul-claro. Sua origem francesa é a mesma da cidade de outro tecido de algodão: Cambraia.
Chamoix- (Camurça) Tecido feito de qualquer matéria-prima (principalmente algodão) acabada em flanelagem. Imita a pele de camurça e o veludo.
Changeant - Do verbo francês changer,que significa mudar.Furta-cores.São tecidos em que o colorido dá impressão de mutação devido aos fios de trama e urdume serem de cores diferentes.
Chenille- Felpudo de algodão utilizado em roupões e colchas.
Chevron:Espinha-de-peixe.Padronagem de "V"s contínuos geralmente em tecidos de lã.
Chiffon- Tecido extremamente leve e fino, produzido de fios muito torcidos. É feito de seda, lã ou fibras sintéticas. Tem sido utilizado quase exclusivamente para roupas de noite. Nas décadas de 1950 e 1960, lenços de chifon eram populares como acessórios de moda.
Chint -Feito de algodão, muito leve, possui um acabamento firme e brilhante. Muito utilizado em decoração de ambientes. 
Chita-Tecido leve de algodão ,ordinário e estampado a cores.
Ciré -O ciré é o processo pelo qual a cera, aplicada através do calor e da pressão, torna os tecidos lisos e brilhantes, como o cetim, por exemplo.
Cloquê -Tipo piquet, com efeito de alto relevo, produzido por fios de crepe ou de encolhimento elevado.
Coenizado- Esse tecido é feito por um processo em que o forro é prensado através de calor ao tecido, deixando sua consistência mais durinha. É usado em modelos mais estruturados.
Corduroy- Tecido de veludo canelado, geralmente de algodão, limpável e nas versões laváveis e stretch com elastano.

Corrosão: Processo de lavagem industrial no qual o tecido, geralmente o jeans, sobre perda de tinta localizada em lugares estratégicos, devido a utilização de produto químico.
Cotelê -É um tecido estriado, de algodão ou raiom, com pêlo de veludo. Durável, até o século XIX era associado a cavalariços e lavradores. Durante o século XIX foi utilizados para calções, casacos e trajes de caça. Tornou-se popular no século XX, em roupas informais, principalmente paletós, saias e calças.
Cotton- Do inglês algodão.
Coutil- Muito resistente, o coutil é feito de algodão ou linho. É utilizado em calças, sapatos etc.
Crepe -Tecido com aspecto granulado e toque áspero obtido com fios químicos ou naturais com alta torção.
Crepe Casca de Melão -Versão pesada do crepe, porém com um lado acetinado. Utilizado em vestidos, trajes a rigor, lingerie etc.
Crepe Chiffon -Tecido semelhante à musselina, quase sempre feito de poliéster, é leve e transparente, além de apresentar uma textura enrugada e fluida.
Crepe da China -Muito fino e leve, o tecido é composto por seda ou poliéster.
Crepe Georgette -1)Tecido leve com superfície crepada. 2) Tecido fino, de textura bastante enrugada, geralmente feito de seda, seda e algodão, seda e raiom ou outras misturas.
Crepe Koshibo -Semelhante ao georgette, no entanto mais grosso e pesado.
Cru -Nome dado aos tecidos, geralmente de algodão, que têm um aspecto rústico.
Dégradé:Estampa ou padronagem geralmente de listras que vão gradativamente do escuro para o claro de uma cor só.
Délavé- Palavra francesa que em português se pronuncia "delavê", usada para definir o aspecto desbotado de um tecido depois de algumas lavagens especiais. Desbotar o jeans já era feito desde os anos 1960, com o movimento hippie. Mas o primeiro brim délavé só começou a ser comercializado no Brasil pelas butiques e grandes lojas no início dos anos 1970. 
Denim -Tecido resistente de sarja de algodão, o do tipo mais pesado é aplicado na confecção de jeanswear, com fios tingidos de índigo. O denim mais leve entra na produção de roupas sportswear.
Dévoré: Processo químico pelo qual,um desenho em relevo sobre fundo transparente é feito por corrosão das fibras.
Dobby:Padronagem com motivos pequenos feita através de uma peça que se adapta a um tear.
Dry Fit -1)Tecido feito com poliamida e elastano, que proporciona um caimento seco (dry fit).2) Tecido usado para roupas de ginástica devido a sua facilidade de absorção do suor.
Elastano- Fio elástico usado na composição de malhas ou tecidos planos que garante conforto e permite excelente movimentação ao corpo. A Lycra, marca que pertence à Invista, virou sinônimo deste fio.
Espinha-de-Peixe- Padronagem cujo aspecto lembra o esqueleto de peixe, também conhecida por chevron. Confeccionada de lã, seda e algodão, vai bem com casacos, ternos e saias.
Estamparia Reativa: É uma forma de estampar onde o desenho não fica apenas na superfície do tecido e sim interage com os fios dando algumas vantagens finais a peça:melhor definição da estampa,cores mais vivas, com brilho e com o mesmo toque do fundo,tecido mais maleável  e  o melhor de tudo maior solidez (resistência das cores após várias lavagens).
Étamine- Fino e telado, à base de algodão, usado em bordados como o ponto cruz.
Façonné:Motivos padronados formados por fios brilhantes sobre urdidura opaca.O termo foi utilizado na França também como sinônimo para jacquard.
Faille -Tecido fino e macio, ligamento tafetá, acetato ou poliéster, produz um efeito canelado.
Feltro- Feito de lã, este tecido é muito utilizado em trabalhos artesanais. Pode também ser construído com pêlo animal, como o de carneiro, castor e coelho. Serve para a confecção de chapéus, casacos e revestimento de móveis.
Fibra- Composta de filamentos, de material natural, artificial ou sintético, a fibra é a matéria-prima usada na fabricação de malhas, tecidos e feltros.
Fil-a-fil -Tecido de lã, confeccionado com fios de duas cores, geralmente uma clara e outra escura.
Fio-Tinto -Tecido feito com fios coloridos, antes de ser tecido.
Flamê- Produzido com o fio flamê, apresenta pontos mais grossos e mais finos.
Flanela -Tecido 100% lã cardada, de peso leve.
Floral:Estampa de flores.
Flúor -Na moda, representa cores luminosas como pink, verde, azul, amarela, roxa e laranja, utilizadas em tecidos e acessórios.
Froissé- Palavra francesa que define o aspecto de amassado de alguns tecidos.
Furta-cor:Changeant.Efeito onde o tecido muda de cor dependendo da luz projetada.
Gabardine- Tecido com trama na diagonal, feito de algodão, lã ou rayon. Quando mesclado a microfibra e a outros fios com características impermeáveis, torna-se a matéria-prima indicada para a confecção de peças como o trench coat, ideal para enfrentar tempo chuvoso
Gazar(Gaze) -1)Tecido fino, feito de seda e com textura semelhante à organza de seda pura, porém com caimento de musselina. É semitransparente, rígido e denso. Em geral, vai bem em roupas de festa e vestidos de noiva. 2)Tecido leve em fios sinuosos de linho, seda ou lã, produzido por batidas irregulares do tear.Original do Gaze,Palestina.
Geométrico:Estampas de figuras geométricas (quadrados, retãngulos, triângulos,circulos).
Givré-Efeito em tecidos formado por fios encobertos por fibras torcidas e filamentos de cores diferentes.
Glacé-Tipo de acabamento que produz em efeito encerado furta-cor no tecido.
Gorgorão- Tecido encorpado de seda ou de lã, com sulcos na trama, usado para a confecção de roupas, forração de sapatos, bolsas e acessórios.
Grafismo-Estampa com motivos gráficos (números, letras, figuras geométricas,abstratas).
Guipire- Tecido e renda em seda, linho ou algodão, formado por um tule desenhado,trabalhado em motivos florais bem definidos e empregado em vestidos. 
Helanca- 1)Tecido elástico feito a partir de poliamida texturizada por falsa torção. Muito usado nas décadas de 60 e 70 em roupas esportivas.2) Marca de fantasia de um fio enrugado e elástico da Heberlein Patent Corporation, utilizado desde meados do século XX em tecidos que precisam de elasticidade.
Hemp- Esse tecido é feito a partir da fibra da planta da maconha. É muito resistente e fresco e parece com o linho. 
High-tech-Tem origem em high-technology  -alta tecnologia- utilizado para tecidos com propriedades tecnológicas.
Ibisco-Tipo de flor muito utilizada em estampas de roupas estilo surfwear.
Ikat-Processo onde os fios do urdume são estampados formando desenhos difusos no tecido.Originou-se nas ilhas de java e Sumatra na Indonésia.
Impermeável- Tecido confeccionado com fibras que não deixam passar água nem outros líquidos. Existem várias peças na moda que são feitas desses tecidos, como capas de chuva, anoraque (tipo de casaco leve com capuz), trench coat e também chapéus.
Imprimé:Estampado.Processo onde o tecido recebe no acabamento uma aplicação de uma ou várias cores.Os principais processos atuias de estampagem são:por rolos,quadros,por cilindros rotativos e sob papel (por transferência).
Índigo- Pigmento para tingir o brim que vem da planta Indigofera tinctoria. A partir de 1897, teve a versão sintética depois da identificação molecular da planta por Adolfo Bayer.
Irisé:Acabamento dado em tecidos que proporciona um aspecto semelhante ao Arco-ìris.
Jacquard:1)Processo de estampagem que apresenta desenhos intrincados comum em tecidos de malha.O nome vem de Joseph Maria Jacquard tecelão que inventou em 1790 uma máquina para movimentar os fios do urdume. A máquina utilizada papel perfurado para selecionar o levantamento de fios criando os motivos jacquard.2)Tecido de padronagem em alto-relevo. Foi inventado pelo francês Joseph-Marie Jacquard, no final do século 18. O efeito pode ser produzido em diferentes materiais, como veludo, seda e algodão.
Jaspé: Efeito alternado de duas ou mais cores produzido por fios coloridos irregularesmente.
Javanesa -Tecido em ligamento tela, com fio de viscose no urdume e na trama, muito usado nas roupas femininas.
Jeans -Nomenclatura em inglês da fusão entre algodão e ligamento sarja, ou seja, igual a brim, denim, coutil, atualmente na cor azul. Jeans na gíria inglesa significa calça, macacão etc.
Jérsei -Tecido de malha simples, macio e elástico. O nome vem de onde foi fabricado pela primeira vez: a ilha de Jersey, na Inglaterra. No século XXI, é feito de algodão, náilon, raiom, lã e fibras sintéticas. 
Juta- 1)Erva sublenhosa, anual,originária da Índia, e cultivada intensamente na Amozônia, para a obtenção de suas valiosas fibras têxteis.2)Tecido feito com essa fibra,utilizado principalmente para cordas, e como base de carpetes e tapetes.Atualmente vêm sendo desenvolvidos outros acabamentos para esse tecido,ampliando a sua utilização.
Fibra natural de origem animal, obtida do pêlo das ovelhas domésticas e camelos.
Laise- Tecido de algodão, muito leve, com aplicações de bordados.
Lamê -Com acabamento liso ou jacquard, o lamê prima pelos fios metálicos, como ouro e prata. É bastante utilizado em roupas de mulheres e carnavalescas.
Liberty:1)Estampa composta de flores miúdas.O nome vem da loja londrina Liberty fundada em 1874 por Arthur Lasemby Liberty.2) Criada pela marca inglesa Liberty of London no final do século 19, é uma estampa que remete ao movimento art nouveau, com motivos de flores bem pequenas, em geral sobre um fundo de cor neutra, como bege e cinza.
Linho Rústico- o tecido é uma fibra vegetal surgida do talo do linho. Quando incorporado à viscose, ele fica bastante vulnerável ao tingimento. É usado na confecção de trajes finos e leves, apropriados para climas tropicais, além de roupas de cama e mesa
Listrado:Estampa formada de linhas paralelas.
Listras- O modelo clássico com essa trama são peças no estilo náutico, baseado nas roupas de marinheiros. Na Idade Média, porém, as listras eram usadas por pessoas marginalizadas da sociedade, como loucos, doentes contagiosos e exilados. Somente no século 15, passaram a surgir detalhes de listras discretos em roupas e, no século 19, as listras estiveram no auge da moda.
Lona -Tecido plano de algodão muito pesado, forte e resistente, usado para fazer barracas, coberturas, estofados, encerados, capas em geral, bolsas e sapatos. Pode ser encontrado também em produtos sportswear.
Lonita- Tecido consistente de algodão liso, listrado ou xadrez, muito bom na confecção de jaquetas, saias, shorts, calças e também em colchas, toalhas de mesa, cortinas rústicas e jogos americanos.
Lurex- 1)Trata-se do brilho que é composto por fios metalizados incorporados à trama. Pode ser aplicado em vários tipos de tecido para a confecção de vestidos, blusas, saias e casacos. É usado em peças inteiras ou apenas em detalhes.2)tecido com fios brilhantes,dourados ou prateados, entremeados.
Lycra -Fibra sintética também chamada de elastano. Pode ser esticada de quatro a sete vezes o seu tamanho. Resistente ao sol e água salgada, ela mantém sua característica de comprimento ao passar do tempo.
Madras:1)Xadrez composto por listras de várias espessuras em cores vivas,batizado a partirda região de Madras, na Índia, um dos primeiros centros têxteis do mundo.2) Tecido de seda e algodão com listras de larguras variadas que formam grandes xadrezes. Sua origem é indiana e recebeu esse nome por ser fabricado pela primeira vez na cidade de mesmo nome. O madras é usado tanto na alta-costura como no de prêt-à-porter.
Malha- O entrelaçamento de anéis de um fio têxtil, seja através de laçadas ou nós, forma esse tecido flexível muito usado em roupas masculinas e femininas. Manualmente ou à máquina, pode ser confeccionado de lã, algodão ou fibras sintéticas, dependendo da estação do ano. É sinônimo dos trajes de bailarinas, blusões ou pulôveres.
Malha fria -Tecido leve, feito a partir de fibras sintéticas, que passa uma sensação de temperatura mais baixa.
Matelassê -Tecido jacquard ou maquinetado acolchoado, muito usado nas colchas e edredons.
Merino-Raça de carneiros de lã muito fina,a melhor obtida no mundo.Essa fibra é utilizada somente nos melhores tecidos.
Mescla:Efeito obtido a partir da mistura de fios de composição diferentes onde um fio absorveu o corante e o outro não.
Microfibra- Qualquer fibra sintética mais fina do que a seda. Os tecidos feitos com essa fibra possuem características de leveza e duarabilidade.
Modal -O tecido é um tipo de microfibra feita a partir de fibras artificiais com grande poder de absorção, por isso é muito usado para a confecção de roupas para o esporte. Ao ser combinado com um linho mescla 50/50, mantém a característica do linho puro.
Moiré:É o mesmo que Chamalote.
Moletom- Tipo de malha flanelada e quente, de lã, algodão ou poliéster misto, feita com entrelaçamentos flutuantes. Usado em peças esportivas, infantis e até mesmo para estofamentos.
Morim-Tecido antigo,produzido em Calicute,na Índia .De algodão rústico, branco ou tinto, tem preço baixo e é usado na confecção de peças de cama e mesa, além de servir como forro em todo tipo de roupa.
Musselina- Tecido muito leve e transparente, com toque macio e fluido.Produzido em seda ou algodão:muito usado para roupa feminina.A palavra tem origem francesa,mousseline.
Nacarado:Efeito em tecidos que produz um brilho perolado.Efeito encontrado no tafetá,no jérsei e em microfibras.
Náilon- Fibra sintética descoberta em 1935 pelo químico americano Wallave Carothers, da Dupont. Apresenta elasticidade e resistência e é aplicada na confecção de meias, roupas íntimas e casacos. O fio de náilon é usado em armações de roupas e na produção de bijuterias.
Napa- Espécie de pelica fina e macia, feita a partir do couro do carneiro. De diversas cores, a napa faz luvas, bolsas e outros acessórios.
Natté:Fios entrelaçados em cores diferentes para estrutura tafetá.
Neoprene- Material sintético, semelhante a uma esponja, com espessura que varia de 1,5 mm a 1 cm. É usado na confecção de roupas de surfistas e mergulhadores. O nome é uma marca registrada para a borracha sintética descoberta em 1931. Hoje, ele aparece em peças esportivas e urbanas.
Organdi-Tecido de algodão leve,fino transparente(musselina de algodão),com acabamento especial à base de goma que lhe dá rigidez.Em razão do tratamento químico,permanece inalterado depois de repetidas lavagens;é um tecido de acabamento durável.Aplicação em vestidos,blusas,cortinas e flores artificiais.
Organza- Tecido enrijecido com a própria goma da seda. Fina e transparente, em geral de fio poliamida, é mais encorpada que o organdi. No mercado, existe a organza de filamento sintético, como o poliéster, que é endurecida por processo químico. Essa tela é encontrada também bordada (laise) ou estampada. Utilizada em vestuário feminino. 
Ourela - Significa orla,borda.É o arremate lateral dos tecidos produzidos no tear.
Oxford -Originário de Oxford, Inglaterra, feito de algodão, com desenho tafetá, e variações de poliéster. Tecido com aspecto bicolor obtido através do entrelaçamento de um fio tingido e outro branco. É usado em bermudas, calças e blazers de alfaiataria.
Paisley:É o mesmo que cashmere.O nome é de uma cidade escocesa que tornou-se famosa no século XIX pela produção de xales com este motivo.
Pele Sintética -Feita da mistura de acrílico e poliéster, ela imita pelo de bichos. Pode ser usada para fazer acabamento de golas e punhos ou em acessórios, como sapatos e bolsas. É uma ótima alternativa para evitar o sacrifício de animais. 
Peletizado - Tecido submentido ao processo de flanelagem.
Péquin:Listras verticais de cores,aspectos ou brilhos contrastantes.
Percal- Tecido para lençol, extremamente macio, feito com fio penteado.
Pied-de-coq:Clássico padronado cujo desenho imita um pé de galo.
Pied-de-poule:Semelhante ao pied-de-coq mas, com efeito geométrico menor imitando um pé de galinha.
Piquet- Tecido pesado com desenhos em forma de losango.
Plush -Tecido também conhecido como veludo gratê. Criado sobre malha, que recebe acabamento aflanelado, tem os fios retirados da superfície do tecido. Pode ser chamado de veludo molhado.
Poa-1)Estampa de bolinhas.2)Padrão de bolas espaçadas de maneira uniforme, estampado sobre algodão, linho, seda, voile e tecidos de fibra mista, muito usado para trajes de verão desde a segunda metade do século XX.

Poliéster- Fibra sintética, também conhecida como tergal. Sua característica é de pouca absorção de umidade. Pode ser misturado com fios de algodão ou viscose. Não amarrota, tem boa elasticidade, seca rapidamente e é um pouco áspero. É usado em uniformes e roupas profissionais, mas também pode ter um efeito brilhante para a noite.
Ponto Roma- Muito popular nos anos 1970, é uma malha dupla de interloque, um ponto firme feito à máquina, de espessura que varia de fina a grossa. A parte interna geralmente é lisa e a externa apresenta nervuras. Lisa ou estampada, é utilizada para fazer vestidos, casacos e calças.
Popeline -Feita com um fio de algodão de menor qualidade que o algodão penteado.
Príncipe-de-Gales -Tipo de xadrez irregular mesclado ao pied-de-poule,basicamente formado por fios brancos e pretos. Levou este nome por ter sido usado pelo príncipe inglês Eduardo VII, filho da rainha Vitória, antes de se tornar o rei.
Provençal- Estampa composta de pequenas flores em fundo preto.
Quadricromia -Processo fotomecânico que reproduz estampas ou desenhos em quatro cores devido à superposição de placas ou clichês.
Quadriculado -Estampa feita de quadrados.
Ráfia - Fio extraído da fibra das palmeiras africanas e americanas do mesmo nome.
Raiom -(rayon) Nome de uma fibra artificial de origem norte-americana criada a partir da celulose e da pesquisa que o conde francês Hilaire Chardonnet (1839-1924) fez para encontrar um substituto para a seda natural. Com o nome de seda Chardonnet, dado pelo criador reconhecido dessa fibra, logo teve de mudar, pois foi proibido por lei chamá-la de seda. Os americanos, então, deram o nome de rayon à fibra. É um material de alta absorção de líquidos e tinge com facilidade, além de ter um bom caimento. No final da década de 1920, o tecido foi usado para confeccionar camisolas e outras peças de dormir. Um tecido artificial que se parece com raiom é a viscose.
Renda- Tecido delicado feito à mão ou à máquina, cujos fios entrelaçados formam desenhos. É utilizado em camisas, saias, vestidos de noiva e lingeries.
Renda de Filé -Tipo de renda francesa cuja trama parece a da rede de pescadores e tem muita procura no Brasil. No Nordeste há grande produção dessa renda. É muito usada em xales, saídas-de-praia e lenços.
Renda Renascença -De inspiração renascentista, é feita à mão com agulha de costura. Tem motivos florais em ponto cheio e pequenos orifícios, contornados por barras em detalhes vazados.
Risca-de-Giz- 1)Clássico da alfaitaria, esse tecido traz riscas finas, verticais e paralelas, com distâncias regulares, podendo ir no máximo a dois centímetros. Geralmente as riscas são claras sobre um fundo escuro.2)Padronagem formada por finas listras brancas sobre tecido escuro.
Sarja -1)Tecido trançado de fio penteado, originariamente feito de seda ou lã. No século XIX, a sarja era utilizada para confeccionar fardas militares e, mais para o final do século, era feita em vários pesos, para vestidos, roupas de banho, e roupas externas. Está muito presente em calças e ternos.2)Uma das três construções básicas de tecelagem(tela ou tafetá, sarja e cetim).Tecido caracterizado por linhas diagonais através de uma série de flutuações amarradas na direção do urdume.
Seda Artificial- Feita com os fios: acetato e viscose.
Seda Natural -Fibra que compõe o casulo que cobre o bicho-da-seda, valiosa por sua utilização em tecidos de alta qualidade e em produtos. A seda é uma das mais antigas fibras têxteis conhecidas.
Seersucker- Tecido de algodão enrugado em listras. É fácil de lavar e não necessita ser passado.
Silk-screen:Processo de estamparia no qual se utiliza um estêncil de seda ou fazenda fina onde as partes do desenho que não deseja imprimir são cobertas por substâncias impermeáveis.É muito utilizado em camisetas.
Stretch -Característica elástica de alguns tecidos, que possuem fibras de elastano em sua composição. Deixa o jeans mais justo ao corpo e também aparece com frequência em lingeries e roupas de praia.

Supplex-Tecido produzido para proporcionar maciez e toque do algodão com o caimento, durabilidade e vantagens performáticas das fibras sintética. Diferente do algodão, não amassa, não encolhe, não deforma.
Tachisme:Processo de estamparia que produz um efeito manchado.
Tactel- Tecido fabricado a partir de fibras sintéticas, bastante utilizado na confecção de roupas de ginástica e na moda esportiva.
Tafetá- Tecido fino, brilhante e acetinado, feito a partir de fios de seda. É utilizado no revestimento de bolsas e sapatos e na confecção de roupas de festa
Talagarça- Tecido de algodão grosso, que apresenta um aspecto furado, próprio para aplicar bordados.
Tarlatana- Semelhante à musselina, no entanto é mais leve, transparente e encorpada.
Tartã- 1)é um tecido xadrez que tem a trama fechada é leve e possui vários desenhos. Foi criado pelos escoceses para diferenciar seus clãs. Virou popular por volta de 1800, pois a rainha Vitoria da Inglaterra ia muito à sua propriedade Balmoral, na Escócia, e levou para a corte a moda. De lá pra cá, o xadrez sempre entra na moda.2)Nome para vários tipos de xadrez escossês.
Tecido Paetizado- Feito com paetês de tamanhos iguais ou variados, é usado para fazer vestidos, blusas e jaquetas de festa. Conforme a maneira como é bordado, pode formar estampas ou efeitos de brilho diferentes.
Tie-dye:1)Processo de estamparia que produz efeito de tingimento irregular.Consiste em amarrar pequenas partes do tecido e mergulhà-lo na tinta.2)Estampa artesanal em que uma área do tecido é amarrada e mergulhada em tintas de cores diferentes, criando um tingimento irregular.
Tom sobre tom -Também chamada de ton sur ton (em francês), se refere à combinação de peças de uma produção com a mesma cor em tonalidades próximas, que não causam muito contraste no visual.
Tons Pastel- Claros e suaves, eles são baseados nas cores dos lápis de mesmo nome, usados para pintura em telas. Por serem misturados com água ou tinta branca, os tons têm aparência lavada. Roupas nessa tonalidade vão bem no calor por transmitirem frescor e leveza.
Trama -Fios transversais dispostos num tear que confeccionam os tecidos.
Tricoline-  1) Tecido leve de algodão feito com fio penteado, macio e resistente. 2)Tecido macio e leve, derivado do algodão, e muito utilizado na confecção de camisas, túnicas, vestidos e até calças. Em algumas versões, pode ter um pouco de elastano em sua composição, o que torna as peças ainda mais confortáveis. 
Tropical - Tecido fino para roupas masculinas.
Tule -Originariamente feito de gaze ou seda, o tule é um tecido fino de malha hexagonal, utilizado em adornos de vestidos, chapelaria, roupas de bailarinas e vestidos de noiva.
Tussor -Tecido leve feito com uma variação do fio de seda natural. A lagarta que produz esta seda come somente a folha do carvalho. O tussor é grosso e brilhoso.
Tweed- 1)Acredita-se que a palavra tweed seja uma leitura errônea de tweel, que em escocês significa sarja. O tweed possui uma textura áspera, por ser feito de lã. Muito usado em casacos e ternos.2)Padrão de tecido que apresenta pequenas bolinhas coloridas em relevo.Mais comum em tecidos de lã.
Ultrasued -Tecido sintético de poliéster e poliuretano que não amarrota. Por ser acamurçado, é também muito usado na decoração. 

Used-Tipo de lavagem feita no jeans que o aproxima de um jeans com aparência de usado
Veludo- É um tecido antigo, criado na Índia. Depois apareceu na Europa, após ter sido importado durante muito tempo. Nos séculos XIV e XV foi fabricado exclusivamente na Itália, onde se tornou famoso nas seguintes cidades: Veneza, Florença, Gênova, Milão. O veludo é um tecido que apresenta no lado direito um aspecto peludo, macio e brilhante.
Vichy:Xadrez tipo quadriculado que utiliza apenas uma cor,geralmente o vermelho,sobre fundo branco.Muito utilizado para toalhas de mesa.
Viscoelastano- Tecido opaco, macio e confortável, que se molda facilmente ao corpo e absorve o calor. Composto de viscose e fios de elastano, oferece fluidez e facilita drapeados e franzidos.
Viscose- Fibra química de celulose derivada da polpa da madeira que gera um tecido macio, absorvente, com caimento pesado e toque frio. É utilizada em vestidos, camisaria e alfaiataria.
Voil -Tecido leve, transparente feito com algodão de fibra longa.
Xadrez:Estampa (sobre o tecido) ou padronagem (com fios tintos) formada de listras horizontais e verticais 
que se cruzam.
Xadrez Escocês -Padrão composto por listras e barras de mesmas cores e tamanhos que, misturados, proporcionam o efeito xadrez com tonalidades diferentes.
Xantungue -Seda tecida à mão originariamente produzida na província de Shantung, na China. O xantungue é fino e macio, tecido com fios irregulares, para produzir uma superfície desigual. O xantungue do século XX é geralmente feito de seda misturada a algodão ou raiom, criando um tecido mais pesado que o original, o qual hoje em dia é pouco encontrado.Em franc~es também é chamado por Bourrete.
Zibelina- Tecido com aspecto de lã e acetinado, que é obtido através de lustro, alisamento e frisagem. É muito usado nos vestidos de noiva e na alta-costura em geral. 
Zibeline -  Animal peludo que vive na Á sia e na África.Seu pêlo lustroso é mais claro que o do visom,usado para confeccionar casacos e estolas.

Um comentário:

  1. gostaria que me confirmassem se o lado direito do tecido tectel seria o lado mais brilhoso.
    Grato
    Divanei

    ResponderExcluir